Fios Coloridos

Apesar de nunca ter pintado o cabelo todo com uma cor mais artificial, já tentei várias alternativas. E, assim como eu, muita gente não tem paciência ou ousadia o suficiente para descolorir o cabelo TODO, já que estraga muito os fios e temos que triplicar os cuidados com hidratação, retoque de raiz, gastos com tinta e essas dores de cabeça que desanimam a gente. Mas pintar só as pontas ou fazer mechas pode ser muito bonito e são bem mais fáceis de cuidar. Por isso resolvi reunir algumas ideias aqui e nostalgiar um pouquinho com as minhas aventuras capilares.

PAPEL CREPOM

A primeira vez que tentei alguma coisa diferente foi com papel crepom. Eu tinha acabado de fazer californianas no meu cabelo e detestado, então resolvi aproveitar que já tinha ficado meio loira pra arriscar um pouco. É muito simples e barato, e você só precisa de água e papel crepom.

-Para fazer a tinta é só colocar pedaços do crepom dentro de um copo com água (morna funciona melhor) e ir empurrando com um palito até a água ficar da cor escolhida. Cuidado para não respingar porque mancha mesmo.

-Para pintar é igualmente simples. Se você tem cabelo comprido é só mergulhar o cabelo no copo durante alguns segundos, caso o seu cabelo seja curto ou queira pintar ele todo, vai precisar botar a água cheia de crepom num prato fundo de vidro e, com a cabeça abaixada, colocar todos os fios dentro d’água.

rosacrepom No meu cabelo ficou bem fraquinho já que escolhi uma cor que não pega tão bem (usei um rosa, mas aconselham usar cores mais fortes) e meu cabelo não estava tão claro. Apesar disso eu acabei gostando.

CANETA METÁLICA

Logo depois desse dia, eu estava numa daquelas aulas bem chatas de exatas no ensino médio com canetinhas metálicas no meu estojo, e é claro que achei uma ideia brilhante pintar meus fios com elas. Elas eram da marca CIS metallic marker e o estojo vinha com 4 unidades. Durou mais do que eu esperava, chutaria que quase 1 semana.

azul caneta

TINTAS

ROXO parte 1 – Pontas

Depois disso eu finalmente criei coragem para pintar com tinta mesmo. Comprei um tubo de tinta roxa na Perfumaria Lurdes (Voluntários da Pátria, 230 – Botafogo) e experimentei. Mas mesmo nessa vez eu não descolori o cabelo, já que ele ainda estava loiro nas pontas. Claro que pintei que nem a minha cara, sujei tudo e fiquei cheia de manchas roxas na pele. Por isso aconselho que USEM LUVAS E BOTEM UMA TOALHA NO OMBRO, porque é mó perrengue pra tirar as manchas (acho que só foram sair com acetona).

roxinho1

ROXO parte 2 – Mechas

DESCOLORINDO

Só na segunda vez que pintei de roxo que fui descolorir. Geralmente aconselham usam água oxigenada 20 volumes, mas se for pra deixar o cabelo branco eu diria que o 30 é mais eficiente, apesar de estragar mais o cabelo. Cuidado na hora de escolher o pó descolorante pra misturar na água oxigenada. Não é caro, então dá pra se preocupar em comprar um de boa qualidade. Além disso, dê preferência aos de base azulada, que reduzem as chances de ficar com reflexos amarelados.

PINTANDO

Quero reforçar aqui pra que lembrem de usar luvas e proteger pescoço, orelhas (vale passar um condicionador na pele pra que a tinta não pegue) e tomar cuidado para não manchar superfícies e tecidos. Você só vai precisar de um pincél próprio pra pintar o cabelo, um potinho pra colocar a tinta e, se achar melhor, um papel laminado pra embrulhar o cabelo e proteger os outros fios. Como usei uma tinta que a minha prima trouxe dos EUA, e o tubinho já estava enrolado, fiquei sem saber o nome :(. Mas dá pra encontrar tintas boas em vários lugares, já vi várias opções na Star Hair e em perfumarias. E é claro que também dá pra comprar pela internet. A Manic Panic e Jeans Color são marcas bem famosinhas.

OBS: Eu também fiz uma mecha azul marinho um tempo depois, mas como meu cabelo já estava escuro quase não apareceu, por isso nem tenho fotos.

roxinho2 Acho que teria ficado melhor sem os fios de cima, só uma mecha mesmo, como aqui: DSC03753 VERDE COM PONTAS ROXAS

Comprei uma tinta nova quando fui pra Orlando e voltei a usar as pontas coloridas. Escolhi um verde da marca Splat que vem numa caixinha com o kit completo. Como ainda tinha um restinho da tinta roxa, resolvi pintar as pontinhas e, apesar de terem me chamado de calopsita, eu gostei bastante :D.

IMG_1397 IMG_1401IMG_1269

Screen Shot 2014-10-01 at 9.45.56 PM

VERDE

Retoquei o verde e acabei gostando mais do que quando pintei de roxo.

verde

ROSA

Finalmente resolvi experimentar a Jeans Color! É um potão de 250 ml, ótimo pra guardar e aplicar (foto abaixo) e a tinta é cheirosinha! Descolori mais ainda o cabelo pra tirar o resto do verde e deixar o mais claro possível, já que queria um rosa pastel. Esse rosa da Jeans Color é MUITO forte, mas misturando uma pequena quantidade com bastante creme de hidratação ele desbota rapidinho e fica bem clarinho. Só lembre de deixar os fios quase brancos pra não ficar um laranja esquisito.

RosaJC

Depois que desbotou ficou assim:   Desbotado

A Babi também se aventurou com as tintas antes de aderir ao curtinho:

Essa tinta verde na verdade é o acqua da Candy Color que ela comprou no Ideal Shop. Só que ele só fica azulado se o cabelo estiver branco e como ela descoloriu pouco ficou amarelo e acabou puxando pra um verde mais forte. verdinho babi

Já essa oncinha no sidecut foi com tintura vagabunda mesmo. Ela descoloriu a careca, depois fez as manchinhas marrons e passou o preto em volta.

oncinha2

Dá pra fazer mil coisas sem ter que pintar o cabelo todo! Algumas pessoas preferem usar anilina para madeira misturada com creme de hidratação por causa da facilidade pra encontrar ou criar cores diferentes, e pelo preço. E pra uma duração menor também dá pra usar aquele giz para colorir cabelo.

Deixo aqui mais algumas ideias pra vocês se inspirarem:

ideias

2   5

Anúncios

Pixie Haircut – Prós e Contras

Oi gente! Há mais ou menos dois meses eu CANSAY da vida e resolvi cortar meu cabelo bem curtinho! Fiz o famoso corte joãozinho ou pixie cut (nome mais moderninho). Que dá pra conferir a foto assim que eu cortei aqui no Instagram

Como vocês sabem, eu estava pra vir pra Irlanda fazer intercâmbio e começar uma vida nova. E não tinha hora melhor pra eu tentar um estilo totalmente diferente. Sem falar que esse corte eu venho namorando há anos mas até então não tinha tido a coragem de fazê-lo.

Agora que se passaram alguns meses, eu sou capaz de escrever um post pra vocês. Do meu dia a dia de joãozinho.

Vou começar com os contras, que garanto, não são muitos 😉

O cabelo vai crescer MUITO rápido:

Quando o cabelo está comprido, a gente não percebe muito, mas nosso cabelo cresce que nem grama! Com ele curtinho fica fácil ver essa diferença e isso irrita demais! Porquê o cabelo vai ficando desgranhado e sem corte. Você vai querer apara-lo de 15 em 15 dias, então, é um corte que vai fazer você gastar mais com salão. No caso de esperar os 30 dias pra aparar de novo, vai gastar com pomadas, e fixadores pra tentar disfarçar. Mas calma!!! Não é assim tão desesperador. O que dá agonia é só o “pésinho” atrás da nuca, o cabelinho que vai crescendo por cima da orelha e o volume que vai aparecendo dos lados. Uma boa dica é usar lenços, grampos e tic-tacs pra dar uma segurada na juba, sem perder o estilo.

– Você vai parecer um menino:

Cabelo pixie é MUITO feminino ok gente??? Pescoço e nuca a mostra são muito sensuais, mas é preciso investir em acessórios mais femininos pra não sair por aí igual um garotinho. Eu passei a usar muito mais brincos grandes. Como argolas e maxi-brincos. O bom é que é um acessório que pode ser encontrado bem barato e muda totalmente o visual. Além de chamar mais atenção para o pescoço e deixa-lo ainda mais sexy. Vestidos se tornam muito mais legais de usar, pq cria um contraste do cabelo masculino com a peça extremamente feminina

– Seu cabelo vai ficar oleoso mais rápido:

Isso é meio óbvio né? As pontas do seu cabelo estão bem mais perto da raiz agora, então tem menos tempo pra oleosidade ocupar todo comprimento do fio. Se você não gosta de lavar o cabelo todos os dias, uma boa opção é o shampoo a seco, uma espécie de spray que dá uma “limpada”nos fios e uma segurada na oleosidade.

Agora os prós, só alegria 😀

LI-BER-TA-DOR:

Sério gente, é MUITO BOM ter cabelo curto! Você se sente livre, independente e linda. Do tipo mulherão poderosa! Indico pra todas, pelo menos uma vez na vida, tenha cabelo bem curtinho! 😉

– Fácil de cuidar:

Você lava ele em 5 minutos, com uma gota de shampoo, usa um pingo de condicionador só duas vezes por semana e seca naturalmente em 10 minutos ou em 2 com secador. Preciso dizer mais? Só demora mais se vc quiser dar uma estilizada com pomadas e etc, mas garanto que você vai gastar bem menos tempo nisso do que fazendo chapinha naquela juba 90 cm.

– Super feminino:

Já sabem o porquê né? Nuca, pescoço… SEXY!

– Super estiloso:

Desculpa as cabeludas, mas uma mulher de cabelo curto chama muita atenção! É diferente, dá um ar de independência, de atitude e deixa qualquer look com ar de garota estilosa, fashionista 😛

– Fresquinho:

Ótima opção para o verão 300 graus do Rio de Janeiro. Ventinho na nuca sem depender de elásticos que marcam o cabelo.

Bom gente, esses foram os meus prós e contras. Obviamente cada um tem um tipo de cabelo e um temperamento e algumas coisas mudam de pessoa pra pessoa.

Agora um pouquinho dos perrengues que eu passei. Vocês já devem ter percebido que eu sou bem impulsiva e desencanada com cabelo. Bom, passou um mês desde que eu tinha cortado, e eu já estava achando ele GIGANTE. Como o corte na Irlanda custa 40 euros (QUARENTA EUROS, MAIS DE CENTO E VINTE REAIS), eu resolvi, sozinha, tentar cortar meu próprio cabelo.

Óbvio que não deu certo! Como poderia dar??? Eu não tenho olho atrás ! Enfim, peguei uma máquina de barba de um amigo, que tinham pentes pra aparar o cabelo. Só que a numeração não era igual. Resumo da ópera: Fiquei careca. No meio do caminho, liguei pra um amigo pra ele tentar me ajudar e eu fiquei assim:

10612998_10152646957027042_1688551073506535059_n

Enfim… confesso que não gostei. Mas como disse antes. Cabelo curto cresce que nem grama! E ele está se ajeitando já.

IMG_2161

IMG_2166

Espero que tenha ajudado e influenciado todas vocês a assumirem um relacionamento sério com a tesoura 😉

PRA INSPIRAR:

Top 5 pixie hair das famosas pra deixar água na boca

1# Jennifer Lawrence

jennifer-lawrence_1157dea25864e287e1fa339cc5f5b32b2

2# Anne Hathaway

de3b854a8889bc66adccb82705e9a305163bf88e397fcd64a4a9ba6227776bcc

3# Miley Cyrus

pixie-cut-miley-cyrus-Miley-Cyrus-In-Her-Pixie-Mohawk-Haircut-5

4# Emma Watson

emma-watson-short-hairwatson-435

5# Ginnifer Goodwin

maxresdefaultginnifer-goodwin-pixie-cut--large-msg-138427573209

Beijinhos :*

Minha saga ruiva

Então gente, eu já fiz muita coisa no cabelo… Se tem uma coisa que não tem caô comigo é cabelo, cabelo cresce, pinta de novo e se tudo der errado mesmo, você pode esbanjar estilo com um look carecão (Se você souber fica muuuuito estiloso)

Mas estou aqui pra falar do mais trabalhoso de toooodos (enquanto eu não platino :P) o danado do ruivo.

Eu já tive cabelo vermelho antes, quando eu tinha uns 13 anos, e ficou HORRÍVEL. Imagina aquela pessoa, no auge da pré adolescência, com um cabelo vermelhão 666? Pois é, não é uma lembrança muito feliz. O problema é que desde então eu tenho problemas com ruivo. Porque eu não fazia idea de que era possível um ruivo natural, alaranjado e lindo. É sim e aqui vamos nós…

Sempre que vou passar por uma mudança drástica no cabelo, eu nunca começo em casa. Então, fui de salão em salão, perguntando se era possível, se não ia detonar muito o meu cabelo, etc, etc…

Quando encontrei o profissional que eu me apaixonei não pensei duas vezes. Fiz na mesma hora (se eu demorasse mais, era capaz de desistir)

Como meu cabelo não era virgem, só na raiz, eu tive que fazer uma leve decapagem  antes de colorir, ou seja, dá aquela descolorida no cabelo, porquê tinta não cobre tinta. 

O cabeleireiro usou a tintura da wella color perfect 8/4  + ox. 30  vol. O resultado foi esse

Image

Ficou um acobreado bem bonito, principalmente quando batia o sol, mas o problema da raiz mais clara que as pontas persistiu.

E eu continuei passando só essa tinta durante um bom tempo, e eu ficava com a raiz pegando fogo e o resto do cabelo acobreado.

Uma das coisas mais chatas do ruivo é que a cor, bonitona mesmo, dura no mááááximo duas semanas, daí pra não ter que pintar o cabelo quando ele ficava com  cor de água de salsicha eu misturava surya henna líquida (um tonalizante natural, encontra-se em qualquer farmácia e deixa o cabelo super hidratado) com creme de hidratação, e fazia uma mega bomba capilar… Isso restaurava a saúde dos meus fios e ainda tonalizavam.

A proporção que eu usei era:

4 colheres de henna líquida louro escuro avermelhado 

4 colheres de henna líquida cobre

8 colheres de creme de hidratação branco ( sim, tem que ser branco, se não é capaz de alterar a cor)

 

Só que tudo isso é beeeeeem salgadinho, cada henna custa em torno de 25 reais, fora os tubos de tinta que tinha que comprar todo mês.

Meu cabelo estava gigante, e eu gastava mais ou menos 3 tubos por mês pra manter a cor, como queria mais o ruivo do que o comprimento, meti a tesoura sem dó nem piedade

Image

Eu amei  muuuito, cabelo curto é lindo, sexy e demora só 5 minutinhos pra secar no secador

Sem falar que agora eu usava só um tubinho de tinta.

Entretanto, a tinta da Wella também é salgadinha, e custa mais ou menos R$23,00 + a oxigenada (que no início eu comprava a da Wella mesmo, que custa 6 reais, mas quando me toquei que água oxigenada é a mesma aqui e na China, comecei a comprar a da Márcia, que custa 2 reais no máximo)… Foi  aí que um belo dia, eu estava na Rua Santa Clara, n° 33 escolhendo uma armação de óculos no sexto andar e me deparo com uma loja de cabeleireiro cheeeeio de tinta pra cabelo. Eu entrei e perguntei se tinha Wella e ele me disse que alí eles só trabalhavam com a marca Doctor Hair, mas que a tabela de cores era muito parecida. Eu perguntei o preço e ele me disse, nada mais nada menos do que DEZ REAIS. Eu comprei na mesma hora, e ainda levei mais um tubo, n° 44, Cobre, que era bem laranjão mesmo, pra misturar e fazer o teste

Bom, eu AMEI o resultado, abriu BEM o ruivo e a tinta ainda tem um cheirinho diviiiino, com açaí, cupuaçú, óleo de copaíba e vitamina E

Image

Image

 

Maaaaaaaas, como vocês podem ver, minhas pontas ainda escuras…

Então, com esse novo lançamento da L’oreal, as californianas caseiras, resolvi arriscar e clarear minhas pontas.

Comprei o n° 4 que é o mais claro, deixei 30 minutos mais ou menos, até o ‘loiro’ ficar do jeito que eu quero e taquei minha tinta ruiva por cima, a misturinha mágica da Doctor Hair. 

Eu curti o resultado, mas deu uma ressecada bonita no cabelo. E eu achei que o ruivo ficou aberto demais. Estava mais pra um loiro feio do que pra um ruivo, entende?

Image

 

Mas o que eu queria aconteceu, minhas pontas clarearam e meu cabelo finalmente igualou.

Bom, como sou teimosa, e apressada, passei na farmácia aqui perto de casa pra namorar as tintas… E sabe como são essas caixinhas, todas as modelos lindas, com o cabelo dos seus sonhos. Pois bem, comprei uma caixinha da linha Koleston da wella, que a modelo tinha um ruivo lindo, avermelhado, porém natural.

Meu grande erro foi confiar na imagem, não na descrição da cor que era VERMELHO SUPER INTENSO. (Pausa para o SUPER)

Image

Antes de mostrar o resultado, quero chamar a atenção para o creme de tratamento que vem junto, que eu simplesmente AMEI! Ele rende 6 aplicações, uma vez por semana, é super cheiroso e deixou meu cabelo DIVINO de hidratado

E bom, com o resultado veio um susto, e uma retrospectiva para minha pré adolescência Pitty…

Image

Image

 

Pelo menos eu já tenho fantasia pro carnaval hahahaha

Image

 Vou deixar assim por enquanto, pra ver se eu me acostumo ou se ele dá uma desbotada. Não ficou feio, mas ainda é estranho pra mim. Qualquer coisa eu taco um castanho por cima que tá tudo certo, hahaha!