7 on 7 – Abril

A um ano atrás eu estava feliz da vida viajando pela Europa. Então, como o tema do 7 on 7 desse mês é Cidades, resolvi postar umas fotinhos antigas. 🙂

Lisboa, Portugal
6

Amsterdam, Holanda3

Arredores de Sintra, Portugal4

Praga, República Tcheca2

Berlim, Alemanha5

Frankfurt, Alemanha7

Frankfurt, Alemanha1

Blogs participantes:

Lado MillaGabriele OrtizFotografeiFlores de NovembroBlog Confident.

Até a próxima. 🙂

Leipzig – Alemanha

Demorei pra criar coragem pra fazer esse post, mas consegui! Eu fiquei 1 mês nessa cidade, morando com uma amiga de infância que se mudou pra lá. Não sabia nada antes de chegar mas, depois de fazer algumas amizades, acho que deu pra conhecer bastante coisa. Aliás, ter a ajuda de alguém que conhece a cidade é muito bom, já que Leipzig é cheia de “hidden gems”.

Quando cheguei lá fiz 2 posts,
Meu primeiro dia em Leipzig
Museu e Karli

Mas como eu viajei durante quase 1 mês depois desses 3 dias lá, quando voltei a cidade já era outra. A primavera tinha finalmente dado as caras, e Leipzig estava toda verde, linda e florida! ❤

Eu adoraria falar muito sobre a história da cidade mas, infelizmente, história não é o meu ponto forte (adoraria que fosse). Então por medo de sair falando bobagem, vou me prender a algumas informações mais básicas.

Uma das figuras clássicas de Leipzig é o compositor Sebastian Bach. Não tem como falar de Leipzig sem pelo menos mencioná-lo. Alguns membros da banda Tokio Hotel também nasceram lá, mas essa informação já é meio dispensável (achei legal) (o vocalista do Rammstein também nasceu lá). Música e literatura são pilares da cidade. Lá acontece a famosa Feira Literária (Leipziger Buchmesse), e a cidade foi referência de impressão de livros na Alemanha. Também é importante dizer que Leipzig foi uma das maiores cidades da Alemanha Oriental, e ocupou um papel relevante nos eventos que levaram à queda do Muro de Berlim.

Então, vamos às fotos!

Neues Rathaus (Nova Prefeitura)

Na ordem as bandeiras da União Europeia, Alemanha, Saxônia e Leipzig.

IMG_0012

rathaus_leipzig_gallery

Fonte: /www.hager.de/images/03_referenzen/buero_verwaltung/rathaus_leipzig/rathaus_leipzig_gallery.jpg

Dá pra ver a torre de vários cantos da cidade!

IMG_9862

Perto do Martin-Luther-Ring, que até hoje não sei se é realmente um trocadilho, mas achei genial!

IMG_9973

Eu ostentando!

kinderrr

Clara-Zetkin-Park

IMG_0004 IMG_0006

Gohliser Schlösschen e Rosental

Hoje esse palacinho é aberto para eventos, e o parque tem uma área com bichinhos do zoo de Leipzig! ❤
Olha as girafinhas ali no final!

photo16photo15photo11IMG_0024IMG_0025

Albertina Bibliothek (Biblioteca da Universidade de Leipzig)

IMG_0008 IMG_0009

Bundesverwaltungsgericht (Tribunal Administrativo Federal da Alemanha)

IMG_0010 IMG_0011 IMG_9864

Völkerschlachtdenkmal (Monumento da Batalha das Nações)

Confesso que acabei não visitando, então vou ter que voltar pra lá pra riscar da lista!

denkmal

Fonte: http://farm6.staticflickr.com/5053/5436814938_da788110e6_z.jpg

Spinnerei

Esse local é uma antiga tecelaria que hoje funciona como galeria de arte. Algumas exposições são legais, outras são mucho loucas, mas a ideia é ótima!

IMG_6509 IMG_6510 IMG_6480 IMG_6534

Lá também encontrei um lugar pra atirar com arco e flecha! E acertei o centro do alvo de primeira. 😀 Isso que é sorte de principiante!

tiro YES

Pra esse post não ficar gigaaante, vou ter que me controlar pra não sair botando todos os lugares interessantes de Leipzig que eu conheci! E como já falei de lugares importantes como a Marktplatz, Peterstraße, Augustusplatz, Gewandhaus, Karli (sdds) e Oper nos outros posts, vou deixar que vocês olhem lá mesmo!

Então vou ter que começar a encerrar o post (ahhh 😦 ), e botar só mais uns acontecimentos legais.

Um dos eventos mais marcantes que acontecem na cidade é o Wave Gotik Treffen, que é um dos maiores encontros góticos do mundo, com shows e pessoas de todas as idades vestidas de acordo com o tema. Eu QUASE comprei um vestido gótico pra me juntar, mas ia pra Lisboa no dia do evento, então desisti. Pelo menos deu pra ver uns looks bem maneiros por lá.

Nada de gótico suave, a parada é gótico true mesmo.

wave-gothic-treffen-cca3adfa-ff7b-44a4-997a-6dc0f602f687

Fonte: http://www.fotocommunity.de/pc/pc/display/30997590

Outro evento legal foi o Aniversário de 1000 (MIL!!!) anos de Leipzig!

Teve música, um monte de comida, escorrega inflável, roda gigante e muita alegria.

IMG_0655 IMG_0726 IMG_0650 IMG_0651 IMG_0646

Também teve aula de alemão, Currywurst, Lívinha e muito amor.

IMG_0018 IMG_0286 IMG_0295 IMG_9982 IMG_0728

liuu2

Termino esse post como coração cheio de saudade, e espero que gostem!

Aceito dicas e correções!

Bjin!

Dresden – Alemanha

Dresden quase ficou fora do meu roteiro, mas felizmente acabou dando tempo de visitar essa cidade linda!

Saímos de Leipzig de trem, já que comprando o bilhete da saxônia e dividindo por 2 saía praticamente o mesmo preço do ônibus, e tinha mais variedade de horários (além de ser um pouco mais rápido). Saltamos na estação principal que fica na Altstadt e fomos procurar uma câmera descartável, já que a minha descarregou e eu consegui esquecer o celular em casa. Mas acabei amando as fotos, então valeu a pena mudar um pouquinho! 😀

(Essa foto da estação foi tirada em outro dia, mas quis postar mesmo assim.)

IMG_5377

Depois de finalmente achar uma câmera fomos caminhar e encontramos um sorvete de cactus no caminho, achei curioso. Não me lembro direito do gosto, mas acho que era bom.

Acredito que a parte antiga da cidade seja o canto com maior concentração de construções lindas uma do lado da outra do mundo. É só dar meia dúzia de passos para se apaixonar de novo e de novo!

Começamos pela famosa Frauenkirche (Igreja de Nossa Senhora) que tem 91 metros de altura! Ela foi destruída durante a 2a Guerra Mundial, e sua recontrução foi finalizada a 10 anos atrás.

imm026_24A imm027_25A

Depois eu achei que teria que procurar o famoso painel de porcelana. Mas ele é realmente enorme, e foi só seguir reto para encontrá-lo.

imm025_23A

(O blog “Alemanha! Por que não?” conta um pouco sobre esse famoso trabalho!)

Depois do painel eu percebi que é oficial: Dresden não se cansa de ser linda!
imm023_21A imm024_22A

Cruzamos a ponte que liga a Altstadt a Neustadt (parte antiga a parte nova da cidade) e passamos pela Blockhaus e pelo Japanisches Palais.

Olha a ponte ali atrás!

imm010_8A

imm021_19Aimm019_17A

Vários sinais da Alemanha têm o famoso Ampelmann, que é o bonequinho da sinalização (tem até loja dele). E em Dresden eu encontrei a Ampelfrau, a bonequinha dos sinais!! Fiquei muito feliz, sério. Muito amor.

imm017_15A

imm016_14A

A missão da vez era encontrar a Kunsthofpassage, então fomos parar na parte hippie-alternativa da cidade, cheia de pinturas e cores. Um fato engraçado é que quando estavamos andando na Neustadt uma senhorinha veio nos perguntar se estávamos perdidos, porque a parte bonita da cidade era do outro lado! haha

Mas eu amei esse lado tanto quanto o outro!

imm015_13A

E encontramos!!

imm014_12A

Essa é a parede que toca música quando chove, a em frente é amarela cheia de refletores de luz, e as outras também são trabalhadas artisticamente. Mas eu acabei gostando mais do lugar do que das paredes em si! Ele tem várias lojinhas e um café com bebidas geladas super gostosas. Claro que eu só lembrei de tirar foto quando já tinhamos bebido. Mas tava um calor do cão, então dá pra ter um desconto. 😀

imm013_11A

E esse ursão lindo na porta de uma loja de doces?

imm012_10A

Seguimos nesse lado da cidade até a Pfund Molkerei, uma leiteria conhecida por ser a mais bonita do mundo. Quando chegamos ela tinha acabado de fechar, mas deu pra ver que o interior é bonito mesmo.

imm011_9A

Pegamos um tram (a cidade é pequena mas turistar cansa!) para voltar para a Altstadt e terminar o dia.

imm009_7A

imm008_6Aimm004_2A

E finalmente chegamos no Palácio Zwinger!

imm006_4A imm007_5A

Não deu pra ver tudo em um dia, mas vimos bastante coisa. Se sobrar um tempinho no roteiro, vale a pena visitar Dresden com certeza!

PS: Não importa se está quente de manhã, lá sempre vai fazer frio durante a noite. Leve um casaquinho.

Até mais!

Kehlsteinhaus – A casa de verão de Hitler

É injusto que uma pessoa tão terrível tenha morado em um lugar tão lindo, mas como a vida não é justa, láaa no topo da montanha Kehlstein, em um lugar estratégico a 1834 metros acima do nível do mar, está o presente de aniversário de 50 anos de Hitler.

O local, também chamado de Eagle’s Nest, foi bombardeado pelos ingleses em abril de 1945, e mais tarde foram encontrados vários vinhos e obras de artes de colecionadores judeus. Antes disso, lá era um ponto de encontro político, para o desenvolvimento de planos e tomada de decisões.

Hoje a casa deu lugar a um restaurante com uma das vistas mais privilegiadas do mundo.

Para alcançar o topo da montanha é preciso dar voltas e voltas de ônibus (e o enjoo!), pegar o suntuoso elevador instalado dentro da pedra e atravessar um túnel com a sensação térmica de uma geladeira.

DSC04621
DSC04622
DSC04606
DSC04595
DSC04511

(Meu cabelo curtinho em 2012!)

DSC04517

O lago Königssee.

DSC04552 DSC04553

Os escombros:

DSC04569 DSC04528 DSC04581 DSC04605

O Ninho da Águia fica em Berchtesgaden, sul da Alemanha quase na fronteira com a Áustria.

Para saber mais é só acessar http://www.kehlsteinhaus.de !
Até mais!

Fotos (inéditas) de Viagem

Nós tiramos tanta foto em viagem que acaba que nunca dá para postar tudo.
Por isso separei um postzinho para mostrar as fotos que acho que ainda merecem um destaque especial!

No trem saindo de Frankfurt

Leipzig Abril 002
Leipzig Abril 003

Friozinho em Leipzig

Leipzig Abril 058

Praga

IMG_5425 IMG_5559 IMG_5561 IMG_5459 IMG_5556

Berlim (Fernsehturm e Brandenburger Tor ao fundo)

IMG_5629-2

Antuérpia 

IMG_6215

Freiburg!!

(Como não tirei muitas fotos lá, acabei não fazendo post para a cidade. Então vou aproveitar pra mostrar algumas aqui!)

IMG_6548 IMG_6563-2 IMG_6565
IMG_6571 IMG_6574

Espero que tenham gostado!
Bjin

Frankfurt e Darmstadt – Alemanha

Demos um pulinho em Mainz, mas já voltei com a ordem dos posts! Frankfurt foi o nosso quarto destino, e definitivamente um dos preferidos! Talvez porque foi quando a primavera começou a realmente “dar as caras”, e tivemos dias quentes e floridos! Além disso, pelo que falavam da cidade eu esperava encontrar vários prédios e pessoas agitadas, mas o que eu vi foi um lindo contraste entre as antigas construções e alguns poucos prédios, e nada de gente agitada!

Mais umas vez chegamos de noite e ficamos só no hotel, mas no dia seguimos demos uma rápida volta pelo centro da cidade e já seguimos para conhecer Darmstadt, uma cidade que fica bem pertinho de lá. Ficamos no hostel Jugendherberge Frankfurt. A localização e o quarto eram ótimos, tinha café da manhã e ainda nos demos o luxo de ter banheiro no quarto!

1

Em Darmstadt nós ficamos bem pouquinho mesmo, só passando pela Mathildenhöhe, onde fica a Igreja Ortodoxa Russa.

IMG_5787

15

IMG_5793

IMG_5796

Quando voltamos para o hostel ainda estava sol e quente, então botei um vestido e saí correndo para aproveitar o fim do dia!

IMG_5811

Solzinho na beira do famoso rio Main!

IMG_5812

Atravessando a Alte Brücke.

IMG_5815 IMG_5814

Vista da janela do hostel!

IMG_5824 IMG_5825 IMG_5827 IMG_5829 IMG_5830 IMG_5832

IMG_5839 IMG_5842IMG_5843

IMG_5846

E mais uma passada pelo centro para tirar fotos! Essa estátua engraçadinha fica na entrada do museu de caricaturas, mas não cheguei a entrar para conhecer. E a outra construção é a Catedral de Frankfurt.

IMG_5847 IMG_5848 IMG_5849 IMG_5850 IMG_5851 IMG_5852

Essa região lindinha é o centro da parte antiga de Frankfurt, onde fica o Römer, atual sede da prefeitura da cidade.

IMG_5853  IMG_5855 IMG_5856 IMG_5857

3

4

5

Começamos o dia seguinte visitando o Städel Museum, onde estava estreando uma exposição do Monet. Achei que foi um pouco caro (pagamos uns 12 euros com carteira de estudante), mas o museu tinha um acervo enorme, e acredito que tenha sido um pouco mais caro por causa dessa nova exposição do Monet. Um evento que eu acho interessante na Europa é a “noite dos museus”. Em um determinado dia os museus ficam abertos durante a madrugada, e você só paga uma pequena taxa e pode visitar váaarios! Não chegamos a pegar a data, mas adoramos a ideia!

(Olhem uma cabine telefônica alemã!!) 🙂

6

IMG_5858

Ficamos pelo centro para almoçar e a Maria queria comprar umas coisas na Galeria Kaufhof, então aproveitamos para subir no deck dessa galeria com a Zeil Galerie, que tinham me indicado, mas acabei não achando a vista nada demais. E demos um pulinho no Kleinmarkthalle (fica pertinho da Catedral!), que é um mercadinho que vende flores, carnes, frutas, etc, e compramos algumas frutinhas. Só não achamos muitos lanchinhos prontos. 😦

8

7

Depois fomos correndo para o Forum de Fotografia que tinha por lá porque estava tendo uma exposição (Eyes Wide Open!) dos 100 anos de fotografia da Leica, e como já estava ficando tarde não queríamos correr o risco de perder. A exposição foi FANTÁSTICA, eu não queria ir embora! Duas fotografias famosas que estava lá eram “Kiss in Times Square” e  “Givenchy Hat for Jardin des Modes”.

leica1 paris-givenchy-hat-b-1958-by-frank-horvat-for-jardin-des-modes-web

Jantamos em um dos únicos lugares abertos que por uma benção divina tinha sopa e salada (não aguentavamos mais gorduraaaa). ❤

Na manhã seguinte segui para o tão esperando Gutenberg Museum em Mainz, enquanto a Maria foi para o Museu de História Natural. O post sobre Mainz já tá no ar, então é só clicar aqui para ver essa cidade gracinha!

Quando nos reencontramos a Maria já estava pronta para aproveitar mais um dia de sol, então fomos correndo para o gramado! Lembram daquela árvore rosa nas fotos aqui em cima? Foi ali mesmo que escolhemos ficar!

IMG_5904 IMG_5909 IMG_5914

Pra melhorar ainda passamos num café maravilhoso e pedimos essas delícias.

14

E para nos despedirmos da cidade recebemos esse lindo último pôr-do-sol. ❤

IMG_5935

De noite percebemos que estávamos com fome e não tinha quase nada aberto. Mas encontramos um döner kebab na rua de fast food, e resolvemos que esse seria o dia de finalmente experimentar o tal! Acabamos amando e ele foi nossa salvação baratinha durante vários outros dias da viagem.

Vai aí uma imagem dele, porque o primeiro kebab a gente nunca esquece. ❤

9

Até a próxima!

Mainz – Alemanha

Depois de Berlim eu segui para Frankfurt, mas preferi fazer o post sobre Mainz primeiro porque essa cidade é só amor!!

Mainz fica a aproximadamente 1 hora de trem de Frankfurt (a passagem é uns 8 euros) e ela só estava no meu roteiro por causa do Museu do Gutenberg, que eu era louca para visitar. Chegando na cidade resolvi ignorar os mapas e só sair andando (ela é bem pequenininha!). Era um dia de sol e calor então estavam todos na rua tomando sorvete do lado de fora dos cafés. ❤

Já me apaixonei logo de cara! A cidade é cheia de estátuas lindinhas que parecem tiradas de contos infantis.

Logo saindo da estação de trem passei por essa praça com a estátua do Schiller, mil flores e essa construção super divertida.

IMG_5860 IMG_5861 IMG_5862 IMG_5864 IMG_5865-2  IMG_5867 IMG_5868 IMG_5869

Nhommm ❤

IMG_5866-2 IMG_5870-2 IMG_5871-2IMG_5873 IMG_5876 IMG_5877 IMG_5879 IMG_5880 IMG_5881 IMG_5883 IMG_5884

Quando eu finalmente percebi que não tinha ideia pra onde estava indo resolvi pedir informação, e o lugar que eu queria ir era a só uns 5 ou 10 minutos de caminhada! Lá atrás da para ver a Catedral de Mainz e a estátua na frente é o Gutenberg (como achavam que ele pareceria, porque na verdade não há registros exatos de sua aparência)! 😀

IMG_5885 IMG_5886 IMG_5887 IMG_5888

IMG_5891

E essa mania de pato?

IMG_5892 IMG_5893

Sempre fico louca com essas ruazinhas.

IMG_5894 IMG_5895 IMG_5896

E ao lado da Catedral… a primeira vista do Museu!! A entrada é naquela parte de trás, nessa parte da frente fica um café.

IMG_5897

(Mais um pouco da Catedral)

IMG_5899 IMG_5900

Eu achei o museu super interessante! A entrada é uns 5 euros e lá dentro ficam vários manuscritos, a primeira e a segunda bíblia de Gutenberg, os lugares que ele frequentou, materiais que usavam para fazer tinta e papel, máquinas de impressão antigas, etc. Uma outra parte do museu é dedicada para impressão Oriental.

As bíblias de Gutenberg ficam dentro de um cofre a prova de balas todo escurinho! Uma das senhorinhas do museu que eu fiz “amizade” veio toda feliz me mostrar onde elas ficavam, nós duas ficamos muito empolgadas haahhaha ela era muito fofa!

A lojinha do museu também tem várias coisas legais, ainda vou mostrar aqui no blog o que comprei lá!

IMG_5901

IMG_5902

Mainz, a gente ainda se vê. ❤